Um amor sem fim



Emily era uma menina triste,e com apenas seus 15 anos não tinha muitos amigos era considerada uma (nerd) na escola em que ela estudava.Ela vivia na cidade de Nova Jersey com seus pais,era filha única e tinha tudo que queria,mas isso não a tornava mais feliz!

Segunda-feira dia de aula,um dia muito chato para a pobre Emily,pois era apenas mais um de seus dias sem ninguém pra conversar.quando chegou na escola Emily foi para sua sala,e se sentou no fundo longe de tudo e de todos,como de costume...

foi ai que Henrique (o mais lindo e popular da sala) se sentou ao lado dela e disse: -Oi Emily ficou apavorada e pensou será que é comigo?Ele nunca me disse nada,porque seria comigo,melhor eu ficar quieta,e fingir que não ouvi. Mas Henrique voltou a falar:

__Oi,então ela foi obrigada a dizer oi,ele começou a puxar papo,e os dois ficaram durante todas as aulas conversando!Na hora de ir embora, Henrique se despediu de Emily dando um beijo em seu rosto!

Foi ai que não deu pra ela segurar sua felicidade,ao chegar em casa estava alegre,dando risada sozinha,sua mãe estranhou tanta alegria,mas ficou feliz pois depois de tanto tempo viu sua única filha chegar da escola muito alegre. No outro dia ao chegar à escola, Emily estava com um brilho diferente no olhar,um brilho de apaixonada!

E ainda para melhorar mais as coisas, Henrique a esperava no fundo da sala,no mesmo lugar que ele havia sentado no dia anterior,quando ele viu Emily entrando logo gritou:

__Emy senta aqui! Neste momento Emily se sentou ao lado dele e começaram a conversar!No recreio só andavam juntos,os dias foram se passando e a cada dia ela se apaixonava mais e mais por Henrique,o jeito encantador que ele a tratava,a forma com que ele dizia besteiras e afazia rir,os dias chuvosos em que ele emprestava sua blusa pra ela.

Até que em um dia Henrique se declarou a ela disse que estava apaixonado, que nunca tinha conhecido alguém como ela...e é claro Emily disse o que ela também sentia e foi ai que selaram aquele Amor com um lindo beijo,os dois passeavam juntos,ele mandava cartinhas pra ela durante as aulas,era um amor lindo.

Quando chegava o final de semana Henrique colocava rosas vermelhas na janela de Emily,e quando ela acordava sentia o perfume das lindas rosas que seu amado mandava.

Mas em um dia ao acordar não viu nem uma rosa em sua janela,ela achou estranho,mas pensou ele deve ter esquecido! No outro dia em uma segunda-feira ao chegar na sala de aula Emily se depara com a sala vazia,então ela perguntou pra uma faxineira que estava ali:

 __o que esta acontecendo?Cadê todo mundo?E ela lhe respondeu:
 __você ainda não sabe?Henrique foi assassinado ontem à noite, quando saia de uma floricultura.

Neste instante Emily se desmanchou em lágrimas e saiu da sala correndo e chorando, ao chegar à casa de Henrique estava tudo trancado, portas e janelas,então uma vizinha disse que estavam no enterro em um cemitério ali perto,ao chegar no local seu amado já estava enterrado e todos já estavam indo embora,começou a cair uma tempestade muito forte,mas isso não impediu a pobre Emily de se despedir do seu amor,ela dentou em cima do túmulo de Henrique e disse:

Obrigado Henrique por ter me feito tão feliz,por ter me dado motivos pra sorrir,eu te amo muito e pra sempre irei te amar. Emily com seu coração despedaçado voltava para casa,à chuva caia em seu rosto e se misturava com suas lágrimas.Quando chegou em sua casa se trancou em seu quarto,debruçou na janela e ficou olhando a chuva e se lembrando de todos os momentos que passou junto com Henrique.depois desse dia Emily não queria ir mais para a escola,então sua mãe a deixou faltar o resto da semana.


Em uma manhã de sábado,um perfume de rosas acordou Emily,que levantou correndo e foi na janela coma esperança de que tudo tinha sido apenas um pesadelo,mas infelizmente não era.ao chegar na janela aquele perfume ficou mais forte,Emily deu um suspiro profundo e disse:


__Mesmo morto meu amor, você nunca sairá da minha mente e do meu coração!Você continua vivo pra mim. E uma brisa suave tocou o rosto de Emily, e ela sentiu um calor em sua pele, sentiu como se alguém estivesse lhe dando um beijo,era Henrique lhe dizendo EU TE AMO!

Autor anônimo.

Comentários